sexta-feira, 4 de setembro de 2009

ONG acusa maior granja dos EUA de moer 150 mil pintinhos vivos por dia 
A ganância do ser humano não tem tamanho. E muitos são contra a proteção EFETIVA dos animais...
A "desculpa" da empresa: "Poderíamos ter sido avisados antes.."
Enquanto isso no Brasil afora nossos animais são saqueados e massacrados pelos taficantes de animais, que recebem penas desproporcionais para condutas de extrema gravidade.
É um paradoxo.
Pune-se com uma pena pesada e desproporcional a pessoa que mata um animal silvestre (artigo 29); o que mata mais de 1.000 durante um viagem de transporte ilegal de animais (onde  90% dos animais morrem) recebe uma punição semelhante. Mais um dos absurdos da legislação brasileira.

Veja a matéria completa no link abaixo:

Nenhum comentário: