quarta-feira, 3 de setembro de 2008

Promotor de Justiça mineiro obtém título de Doutor em Ciências Penais
“Polícia e sujeitos processuais: a conformidade constitucional da persecução penal". Este foi o título da tese defendida pelo promotor de Justiça Luiz Gustavo Gonçalves, que obteve o doutorado em Ciências Penais pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerias, no último dia 28.
A banca examinadora foi composta pelo procurador de Justiça Carlos Augusto Canedo Gonçalves da Silva e pelo promotor de Justiça Adílson de Oliveira Nascimento, professores da UFMG e PUC respectivamente; pelos professores José Cirilo de Vargas e Sérgio Luiz Souza Araújo (ambos da UFMG) e pelo professor (PUC) e procurador da República em Minas Gerais, Álvaro Ricardo de Souza Cruz. Como membro suplente fez parte da banca o promotor de Justiça Marcelo Cunha de Araújo (professor da PUC).
O promotor de Justiça Luiz Gustavo Gonçalves Ribeiro ingressou no Ministério Público do Estado de Minas Gerais em março de 1999. Trabalhou nas Comarcas de Serro, Patrocínio e Divinópolis, sendo promovido para Belo Horizonte em agosto de 2002 onde exerce, desde então, atividades no juízo da 2ª Vara Criminal.
Luiz Gustavo é pós-graduado em Ciências Penais pela Fundação Escola Superior do Ministério Público (2002) e mestre em Ciências Penais pela UFMG (2005).Atualmente leciona a disciplina Direito Penal na PUC Minas e Processo Penal no curso de Pós-Graduação em Ciências Penais do Curso Aprobatum.
Assessoria de Comunicação Social do Ministério Público do Estado de Minas – Núcleo de ImprensaTel.: (31) 3330-8166/8314 02.09.08 (Institucional/Promotor de Justiça obtém título de doutor em Ciência Penais) AL

Nenhum comentário: