terça-feira, 1 de julho de 2008

Anna Carolina ajudou Nardoni a jogar Isabella, diz novo laudo
Peritos do Instituto de Criminalística vão afirmar em documento que a madrasta teve participação direta no crime
Segundo a revista Época, o laudo que o Instituto de Criminalística (IC) vai entregar nesta terça-feira (1º) para o promotor do caso Isabella, Francisco Cembranelli, deve afirmar que a madrasta da menina, Anna Carolina Jatobá, não só esteve na cena do crime como ajudou o marido, Alexandre Nardoni, a jogar a garota pela janela.
A informação é do jornal O Estado de S.Paulo. Segundo o jornal, os peritos acreditam que Anna Carolina ajudou Nardoni a subir na cama do quarto de seus filhos para jogar Isabella. Para o IC, é improvável que o pai da garota não tenha tido ajuda de outro adulto para caminhar sobre as camas após ter escorregado duas vezes, como comprovaria a reconstituição.
As suspeitas sobre a ajuda da madrasta surgiram pois não há sangue na camiseta de Alexandre, mesmo ele tendo, segundo a perícia, carregado a filha, que tinha um corte de 5 milímetros na testa. Até aqui, o IC só tinha provas técnicas contra Alexandre, como uma pegada sobre o lençol até vestígios do material da tela de proteção em sua camiseta.
Contra Anna Carolina, a única prova era uma gota de sangue em sua sapatilha, já que sua participação na esganadura de Isabella era considerada prova frágil pela perícia, segundo o jornal O Estado de S.Paulo.
O laudo a ser entregue nesta terça-feira também deverá comprovar que as chaves do apartamento vizinho ao de Alexandre, que pertencia a sua irmã, não podiam abrir o imóvel do casal. O laudo também apontará que o tempo que Alexandre e Anna teriam gasto para cumprir sua versão dos fatos não condiz com o registrado pela perícia.
Para ver a matéria na íntegra clique no link abaixo:

Nenhum comentário: